Espumante Blanc de Blancs 2008

Date

2008

Category
Espumante
Sobre o Vinho

Esta casta, originária da Borgonha francesa, encontra – se entre as mais disseminadas e populares do mundo, originando vinhos de grande valia.

É uma das castas autorizadas na região de Champagne para a elaboração dos afamados néctares.

Prémios & Menções

Entre os melhores vinhos espumantes de Portugal - Revista Expresso

16,5/20 - Revista de Vinhos

Este espumante vibra de frescura. É crocante, tenso, firme, revelando muito do seu carácter e contribuindo num resultado final de muita qualidade.
Revista Expresso
TIPO

Espumante

REGIÃO

Estremadura

SUB-REGIÃO

Lourinhã

CLASSIFICAÇÃO

Vinho Espumante de Qualidade

COLHEITA

2008

CLIMA

Atlântico

SOLO

Franco-Argiloso e Aluviossolos Modernos

CASTAS

Chardonnay

VINIFICAÇÃO

Método Clássico, com 2ª fermentação em garrafa e estágio em cave

ANÁLISE

Álcool 13,0%; pH 3,01 Acidez Total 7,65 g/l Ác. Tartárico;

COR

Amarelo citrino

AROMA

Frutado, com notas de boa evolução em cave

PALADAR

Fresco, leve e delicado, com bolha muito fina, que lhe confere uma estrutura cremosa com um final prolongado

CONSERVAÇÃO

Deitado, a temperatura constante de 17ºC

CONSUMO

À temperatura de 6-8ºC

GASTRONOMIA

Acompanha bem pratos de peixe e marisco

Descrição

Na Quinta do Rol, a casta Chardonnay, fortemente influenciada pela proximidade com o mar e condições edáficas favoráveis, permite a obtenção de vinhos espumantes de particular elegância, delicadeza e complexidade, que exprimem na perfeição o terroir da quinta.

Este Espumante Blanc de Blancs, é elaborado segundo o método clássico, a 2ª fermentação tem lugar na garrafa e o estágio nas caves da Quinta do Rol, em contacto com as leveduras (sur lies), teve a duração de 30 meses.

A “remouage” foi manual e realizada nas tradicionais pupitres e, no dégorgement, não se procedeu à adição de licor de expedição, originando um vinho espumante extra bruto.

 

De coloração amarela citrina, com reflexos dourados e com distintos laivos esverdeados.

O aroma, apresenta – se frutado (citrino e tropical), amanteigado, com sugestões de frutos secos.

Fresco, tem bolha muito fina e persistente, que se desfaz na boca, gorda e bem estruturada, acompanhada por uma cativante acidez citrina e perfeita secura, num final longo e bastante persistente.

 

Servido frio, pode ser acompanhado de aperitivos, frutos secos ou por pratos de peixe e marisco.

Ficha Técnica